Como criar um ciclo positivo de paz mundial?

2015_09_21_paz_mundial_capa_3568
Visualizado 1.423 vezes

No Dia Internacional da Paz, secretário-geral da ONU faz um apelo para um cessar-fogo em todas as regiões em conflito no planeta

O tradicional pronunciamento do secretário-geral das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-moon, no Dia Internacional da Paz, comemorado nesta segunda-feira (21), foi um apelo para um cessar-fogo em todas as regiões em conflito no planeta. “Baixem as armas”, pediu ele. “É preciso acabar com os assassinatos e a destruição, e criar espaço para a paz duradoura”, continuou Ban em um discurso que expõe o sonho de todos os que buscam a paz no mundo.

A mensagem do secretário-geral da ONU faz ainda mais sentido em um ano marcado pela escalada nos conflitos civis regionais e a consequente crise de refugiados. Publicado em junho, o Índice Global da Paz 2015 diagnosticou o custo desse tipo de violência para a paz global. Segundo o levantamento publicado pelo Institute for Economics & Peace (IEP ou Instituto de Economia e Paz, na tradução livre para o português), os níveis de paz globais pioraram no ano passado se comparados com os registrados em 2008. Naquele ano, o IEP passou a divulgar o levantamento anual.

A pontuação geral aponta uma divisão maior entre as nações mais e as menos pacíficas. Em 2014, 81 países melhoraram seus índices de paz enquanto 78 deterioraram. Integram o ranking 162 nações. A Islândia apareceu como o país mais pacífico do globo, e a Síria, como o menos pacífico.

Apesar de muitos países terem melhorado seus índices de paz, os conflitos armados cresceram no mundo e o número de mortes por conflito aumentou em 267% desde 2010, de 49 mil em 2010 para 180 mil em 2014. O resultado dessas ações foi o aumento da população global de refugiados, que hoje chega a quase 1% da população mundial, ou mais de 50 milhões de pessoas. É o maior índice desde 1945, e a tendência é aumentar ainda mais em 2015.

Como criar um ciclo positivo de paz mundial?

Reduzindo urgentemente a violência. O impacto econômico total da violência chegou a 14,3 trilhões de dólares – ou 13,4% do PIB global – em 2014. O valor total equivale às economias combinadas do Brasil, Canadá, França, Alemanha, Espanha e Reino Unido. O fundador e chairman do IEP, Steve Killelea, disse que a redução da violência ajudaria a salvar a econômica mundial. “Se diminuísse 10%, seria adicionado 1,43 trilhões de dólares à economia mundial. Para se ter uma ideia, isso é mais de seis vezes o valor total do resgate da Grécia e os empréstimos combinados realizados junto ao Fundo Monetário Internacional (FMI), ao Banco Central Europeu (BCE) e a outros países da Zona do Euro”, afirmou.

O secretário-geral da ONU aproveitou sua mensagem para pedir que organizações não-governamentais, grupos religiosos e setores privados invistam no desenvolvimento social, proteção do ambiente e “na criação de um mundo mais justo, estável e pacífico”. O lema da celebração do Dia Internacional da Paz em 2015 é ”Parcerias para a Paz – dignidade para todos”.

Fonte: http://asboasnovas.com/

Se você quer receber atualizações sobre este tema ou outros de nossa página, inscreva-se abaixo:
Receba boas notícias em seu Email


Seja o primeiro a comentar Assunto: "Como criar um ciclo positivo de paz mundial?"

Deixe um comentário

Translate »