Estudo revela setor com profissionais mais felizes no Brasil

Visualizado 272 vezes
Estudo revela setor com profissionais mais felizes no Brasil
Avalie este conteúdo

Você trabalha em uma área que traz satisfação para a maioria dos profissionais? Estudo da Love Mondays revela os 10 setores campeões em felicidade.

A plataforma Love Mondays divulgou um levantamento com os 10 setores da economia brasileira com profissionais mais felizes em 2017.

O 1º lugar ficou com o segmento de energia, mineração e saneamento, com índice de satisfação de 3,47 em uma escala que vai de 1 (que representa “muito insatisfeitos”) a 5 (“que corresponde a “muito satisfeitos”).

A nota é baixa em comparação à campeã do mesmo ranking no mesmo passado. Em 2016, a área de atuação apontada como a mais feliz do país, transportes e logística, foi classificada com o índice de 3,61 na mesma escala.

As empresas com maiores notas de satisfação nos setores de “energia elétrica”, “mineração” e “água e saneamento” são, respectivamente, Companhia Energética do Maranhão (4,6), Mineração Caraíba (4,5) e Itaipu Binacional (4,5). As companhias citadas têm, nesta ordem, 24, 11 e 22 avaliações no site.

Os 10 setores mais felizes

As diferenças entre as notas dos primeiros nomes da lista não são grandes: a 2ª colocada (tecnologia e telecomunicações) e a 3ª (serviços financeiros) só têm 0,05 e 0,08 a menos do que a 1ª do ranking.

“Os dados do levantamento mostram que existem oportunidades com bons níveis de qualidade de vida na maior parte dos setores”, diz em nota Luciana Caletti, CEO da Love Mondays.

A pesquisa coletou mais de 143,5 mil avaliações compartilhadas por funcionários e ex-funcionários de milhares de empresas, de forma anônima, no site da Love Mondays. A amostra se refere ao período entre agosto de 2016 e agosto de 2017.

Confira abaixo o ranking com os 10 setores mais felizes:

Posição no rankingSetorÍndice de satisfação (1-5)
Energia, mineração e saneamento3,47
Tecnologia e telecomunicações3,42
Serviços financeiros3,39
Governo, ONGs e associações3,34
Agronegócios3,31
Educação3,28
Fabricação industrial3,26
Mídia e meios de comunicação3,22
Mercado imobiliário e construção3,20
10ºServiços para empresas3,14

Fonte: Exame

Se você quer receber atualizações sobre este tema ou outros de nossa página, inscreva-se abaixo:
Receba boas notícias em seu Email


Translate »