Menino salvo do holocausto hoje salva cristãos

Lord WeidenfeldLord Weidenfeld
Visualizado 1.371 vezes

Uma gratidão que atravessa décadas.

Um judeu que fugiu dos nazistas quando criança, e foi salvo por cristãos, hoje está ajudando a resgatar 2.000 cristãos perseguidos por grupos terroristas das áreas controladas pelo Isis na Síria e do Iraque.
O Editor Lord Weidenfeld, de 95 anos, diz que está pagando uma dívida com a religião, cujos membros o salvaram dos nazistas.
Ele lembra que os Quakers e os Plymouth Brethren deram comida e roupa e o ajudaram a seguir para a Grã-Bretanha em 1938.

O editor está liderando oWeidenfeld Safe Havens Fund, um fundo que na semana passada patrocinou o vôo fretado dos primeiros 150 cristãos sírios levados para a Polônia.

O fundo pretende oferecer suporte aos refugiados por um período que vai de 12 a 18 meses.

Dívida
O idoso de 95 anos disse ao The Times: “Eu tinha uma dívida para pagar. Ela se aplica a tantos jovens – como ele – que estavam nas Kinderstransports.

Foram a Quakers e outras denominações cristãs, que trouxeram as crianças para a Inglaterra.
“Eu não posso salvar o mundo, mas há uma possibilidade de ajudar o lado cristão”, disse.

Lord Weidenfeld espera replicar o trabalho feito pelo falecido Sir Nicholas Winton, que ajudou a organizar comboios que salvaram mais de 10.000 crianças judias dos nazistas. Sir Nicholas morreu em 1 de Julho.

Fonte: Independent

Se você quer receber atualizações sobre este tema ou outros de nossa página, inscreva-se abaixo:
Receba boas notícias em seu Email


Seja o primeiro a comentar Assunto: "Menino salvo do holocausto hoje salva cristãos"

Deixe um comentário

Translate »