Projeto comercializa alimentos imperfeitos

Visualizado 291 vezes
Projeto comercializa alimentos imperfeitos
Avalie este conteúdo

Projeto pretende acabar com desperdício de alimentos fora “do padrão”.

Você compraria e comeria frutas e legumes com formatos “estranhos”? A startup paulistana Fruta Imperfeita vende alimentos com “pequenos defeitos” e contribui para a redução do desperdício. A empresa reúne os produtos que seriam descartados pelos grandes mercados só pelo fato de terem formas ou texturas diferentes do que estamos acostumados a ver, e monta cestas de frutas e legumes que são entregues por São Paulo.

Os objetivos do projeto são reduzir o desperdício de alimentos e discutir o consumo consciente. Esses alimentos imperfeitos, que podem ter defeitos estéticos, são comprados de pequenos produtores e revendidos em uma cesta. A entrega, também, é feita diretamente na casa dos clientes.

O serviço de entrega funciona por assinatura: os clientes pagam uma taxa mensal para receber em casa cestas de frutas e legumes com “pequenos defeitos” em sua forma ou cor, mas igualmente saborosos e nutritivos. Ao assinar o Fruta Imperfeita, é possível escolher entre diferentes tamanhos de cestas e o conteúdo varia de acordo com a sazonalidade das frutas e legumes. Para evitar o desperdício ao máximo é possível listar os alimentos que você não gostaria de receber.

Projetos como a Fruta Feia, em Portugal, e o Imperfect Produce, nos Estados Unidos, também buscam reduzir o desperdício e dar um novo destino a esses produtos que iriam para o lixo. Além da questão ambiental, as iniciativas têm o objetivo de ajudar na geração de renda de pequenos produtores ao garantir que tudo que colherem será comercializado.

Fonte: Embarque na Viagem

Se você quer receber atualizações sobre este tema ou outros de nossa página, inscreva-se abaixo:
Receba boas notícias em seu Email


Translate »