Com praias vazias, 97 tartarugas-de-pente nascem em Pernambuco

Compartilhe Boas Notícias

Sem “público” por conta do coronavírus, tartarugas-de-pente nasceram e chegaram ao mar no Paulista, em Pernambuco

Em um momento de quarentena e isolamento, uma praia de Pernambuco teve um tipo de aglomeração que não oferece riscos ao surto de coronavírus, pelo contrário, foi ocasionada também pela ausência de pessoas no local. A prefeitura do Paulista-PE, anunciou que 97 de tartarugas-de-pente nasceram ontem e tomaram seu rumo a caminho do mar. Sem poder ser visto pela população, já que a secretaria municipal recomendou que se evite aglomerações, seguindo os protocolos do Ministério da Saúde, o registro veio na forma de fotos.

A eclosão dos ovos e o contato dos répteis com a água teve acompanhamento de técnicos do Núcleo de Sustentabilidade Urbana do município, que desde 2019 monitora as tartarugas. O trabalho já possibilitou que quase três centenas de bichinhos tenham nascido sãos e salvos neste ano. “Ao todo, 291 tartarugas marinhas nasceram no litoral do Paulista em 2020, sendo 87 tartarugas-verdes e 204 tartarugas-de-pente. Desta vez, devido as medidas preventivas contra o novo coronavírus, a população não pôde acompanhar de perto o nascimento”, afirmou Herbert Andrade, gestor Ambiental do Paulista, destacando que a medida buscou a preservação da saúde dos técnicos envolvidos na ação e da própria população.

Fonte: https://noticias.uol.com.br

Se você quer receber atualizações sobre este tema ou outros de nossa página, inscreva-se abaixo:
Receba boas notícias em seu Email


Translate »