Antes de realizar cirurgia em garoto, médico também “opera” ursinho

Antes de realizar cirurgia em garoto, médico também “opera” ursinho
Avalie este conteúdo

Pequenos gestos fazem toda a diferença: prestes a realizar uma cirurgia no cérebro, o garoto Jackson McKie, de oito anos, perguntou ao doutor Daniel McNeely se o seu inseparável ursinho de pelúcia, chamado Little Baby (Pequeno Bebê, em português), também poderia ser tratado pelo médico. McNeely atendeu prontamente o pedido e levou o amigo do garoto para a “mesa de cirurgia”: ao notar um pequeno buraco embaixo de um dos braços do ursinho, o médico colocou uma “máscara de oxigênio” e realizou o conserto.

A história aconteceu no Canadá e foi divulgada no Twitter pessoal do doutor McNeely, fazendo sucesso nas redes sociais. Profissional de um hospital na cidade de Nova Scotia, o médico acompanha a saúde de McKie desde os seus primeiros anos de vida — a criança sofre de hidrocefalia, causada pela acumulação de um líquido no interior da cavidade craniana. Esse quadro é responsável por aumentar a pressão intracraniana do cérebro, podendo ocasionar diversas lesões cerebrais.

A cirurgia realizada no garoto foi bem-sucedida, o líquido foi drenado e a pressão intracraniana diminuiu. O ursinho Little Baby também passa bem.

A família de McKie afirmou que se sentia muito grata pela maneira como o médico exerceu seu trabalho, deixando o garoto confortável em uma situação extremamente delicada. Em entrevista à rede norte-americana CBC, o pai de McKie afirmou que a criança está muito orgulhosa de ter o ursinho de pelúcia ao seu lado, “se recuperando” na cama do hospital junto dele.

“O paciente me pediu se eu poderia consertar seu ursinho de pelúcia antes de colocá-lo para dormir…. Como eu poderia dizer não?”, escreveu McNeely em sua mensagem no Twitter.

Fonte: Galileu

Se você quer receber atualizações sobre este tema ou outros de nossa página, inscreva-se abaixo:
Receba boas notícias em seu Email


Translate »