Mãe cria app colaborativo para ajudar pessoas com autismo

Compartilhe Boas Notícias

Uma mãe criou um aplicativo para facilitar a vida de famílias e pessoas com TEA (Transtorno do Espectro Autista). 

Elaine Marques, idealizadora do app, desenvolveu essa ferramenta por conta dos obstáculos que ela enfrenta com a filha Alícia Nicol Marques, diagnosticada com Síndrome de Asperger, nível leve do TEA.

Desde o diagnóstico, Elaine lida com dificuldades em buscar tratamentos, medicamentos e ensino adequado. Por isso, decidiu desenvolver o Rede Azul, um sistema colaborativo, em que as pessoas podem fazer e avaliar indicações já presentes na aplicação.

O Rede Azul é construído a partir de experiências. Dessa forma, os usuários que frequentam locais ou utilizam serviços amigáveis à comunidade autista deixam suas indicações no app — denominados Pontos Azuis.

Assim, outras pessoas podem consultar, vivenciar e, depois, também deixar sua avaliação. Com todas essas informações, checadas por moderadores, o aplicativo calcula uma média de nota para cada indicação.

Futuramente, Elaine Marques implementará selos físicos, que serão fixados em estabelecimentos bem avaliados. O app só está disponível para Android.

Fonte: MSN

Se você quer receber atualizações sobre este tema ou outros de nossa página, inscreva-se abaixo:
Receba boas notícias em seu Email


Translate »