Onças-pintadas recebem royalties por coleção de roupas. Dinheiro vai para preservação delas

Campanha alerta e dá exemplo para preservação de um dos animais mais incríveis do planeta.

Estampas de onça estão presentes nas passarelas e em nossos armários desde o tempo de nossas avós, porém são cada vez mais raras na natureza, a ponto da raça ser classificada como vulnerável, já que estima-se que a população atualmente esteja abaixo de 25o animais. Com o objetivo de chamar atenção para a preservação da espécie, a AMPARA Animal – a maior ONG animal do Brasil, acaba de lançar uma campanha inédita com a marca Cia Marítima, que usará estampas de animais reais em peças de animal print na próxima coleção e irá reverter 100% de seus lucros para a preservação das onças

Sete onças-pintadas que estão sob a guarda da ONG terão suas estampas usadas na nova linha da marca. Esta ação foi concebida com o intuito de dar os “direitos autorais” das peças à estas onças, que receberão os royalties pela linha e também toda a verba arrecadada pelas vendas. Visando o cuidado e preservação das onças-pintadas, a ação pretende mobilizar a indústria têxtil sobre o tema e fazer com que outras marcas se unam à esta causa.

Composta por 12 peças exclusivas, a ‘Life Print’ é a primeira estampa animal print certificada do mundo e estará disponível a partir do dia 16 de abril em grandes lojas do Brasil e em suas filiais nos Estados Unidos e Portugal, além dos e-commerces. Segundo Benny Rosset – CEO da Cia Marítima, a partir de onças-pintadas é possível falar da vida como um todo. “De acordo com especialistas, somos a última geração capaz de reverter a curva de morte do mundo natural. Se não fizermos nada, as próximas gerações, mesmo se mais engajadas que a atual, não terão meios de salvar os nossos animais. Ou agimos agora, ou veremos bichos apenas nas telas, e nas passarelas”, reflete.

Fonte: Hypeness

Se você quer receber atualizações sobre este tema ou outros de nossa página, inscreva-se abaixo:
Receba boas notícias em seu Email


Translate »