Pela primeira vez, Vogue tem modelo albina na capa

Pela primeira vez, Vogue tem modelo albina na capa
Avalie este conteúdo

Modelo e ativista sul-africana Thando Hopa é a primeira mulher albina a aparecer em uma capa da revista.

A modelo e ativista sul-africana Thando Hopa é a primeira mulher albina a aparecer em uma capa da revista Vogue. Ela estampa a edição de abril da versão de Portugal da publicação com o título “African Motherland”.

Em um post no Facebook, a modelo explica como ela sempre faou com amigos o quanto seria “adorável ver” uma modelo com albinismo enfeitando a capa de uma revista Vogue, mas nunca imaginou que seria ela.

Thando foi considerada uma das mulheres mais influentes de 2018, e diz o quanto sonha com o fim dos estigmas relacionados ao albinismo: “Sou sentimental, vejo progresso e faço parte dessa história progressista. Cheguei a um lugar na minha carreira onde aprecio cada parte do meu corpo e sei que, onde quer que eu vá, minha existência, do jeito que é, sempre e sempre será o suficiente”.

Pouco tempo da capa ser postada, a reação do público era particularmente positiva e parabenizando a iniciativa da revista em escolher Thando.

As imagens para a Vogue foram feitas pelo fotógrafo Rhys Frampton.

Fonte: B9

Se você quer receber atualizações sobre este tema ou outros de nossa página, inscreva-se abaixo:
Receba boas notícias em seu Email


Translate »