Rafaela Silva reassume liderança do ranking mundial

Rafaela Silva reassume liderança do ranking mundial
Avalie este conteúdo

Atual campeã mundial chega à importante posição a poucas semanas do Mundial

A Federação Internacional de Judô divulgou uma nova atualização do ranking mundial na terça-feira (22.07), descontando 50% da pontuação conquistada no Grand Slam de Moscou de 2013, e o Brasil teve uma boa notícia. A campeã mundial Rafaela Silva reassumiu a liderança da categoria leve, ultrapassando a alemã Miryam Roper por 24 pontos. Ela se junta a Charles Chibana (66kg) e Rafael Silva (+100kg), que se mantiveram na primeira posição de suas categorias.

“Estou muito feliz com a novidade porque não imaginava assumir essa posição agora. O lado bom é chegar nas competições como cabeça de chave número um e não pegar uma luta tão difícil na estreia”, disse Rafaela Silva.

O calendário mundial terá mais três competições válidas para o ranking: o Aberto Pan-Americano de Santiago nos dias 26 e 27 de julho, o Aberto Asiático de Taipei nos dias 27 e 28 de julho e o Aberto Pan-Americano de Miami nos dias 1º e 2 de agosto. Como é a competição que menos vale pontos para o ranking, os principais nomes não devem disputar e Rafaela deve se manter na liderança até o Mundial Chelyabinsk. A atualização considerada para definir os cabeças-de-chave do Mundial será justamente a que será feita depois da competição nos Estados Unidos.

“O lado ruim da liderança é que vou ser mais visada, mais estudada para o Mundial. Mas eu também estou fazendo a minha parte, estou de olho nelas. Assisto várias lutas diariamente para me preparar para o Mundial”, disse Rafaela.

A restante da classificação mudou muito pouco na comparação com o ranking divulgado na semana passada. No masculino, Felipe Kitadai é o quinto e Eric Takabatake, o 16º, entre os ligeiros. Alex Pombo (73kg) subiu uma posição, para o quinto lugar, enquanto Marcelo Contini, que subiu duas posições, é o 17º. Victor Penalber (81kg) se manteve em terceiro. Tiago Camilo permaneceu sendo o melhor brasileiro no médio, mas galgou duas posições e, no oitavo lugar, entrou na lista do possíveis cabeças-de-chave do Mundial. No meio pesado, Luciano Correa caiu uma posição e está em 10º, e Rafael Buzacarini subiu um degrau para o 16º lugar. Além de Rafael Silva (+100kg), o Brasil tem mais dois atletas entre os 20 primeiros: David Moura é o sétimo e Walter Santos é o 18º.

No feminino, Mariana Silva ganhou uma posição e voltou ao top 20 no meio médio. A brasileira mais bem colocada na categoria continua sendo Mariana Barros, convocada para o Mundial 2014, na 12ª colocação. Todas as outras brasileiras bem colocadas permaneceram nas mesmas posições da última atualização. Sarah Menezes (48kg), Érika Miranda (52kg) e Maria Suelen Altheman (+78kg) estão em segundo. Mayra Aguiar (78kg) continua em terceiro, e Ketleyn Quadros (57kg), em sexto. Rochele Nunes (+78kg) é a 18ª, e Bárbara Timo (70kg) é a 21ª.

Fonte: Brasil 2016
Se você quer receber atualizações sobre este tema ou outros de nossa página, inscreva-se abaixo:
Receba boas notícias em seu Email


Seja o primeiro a comentar Assunto: "Rafaela Silva reassume liderança do ranking mundial"

Deixe um comentário

Translate »