Vinho harmoniza com gastronomia, faz bem pra saúde e pode ser consumido o ano todo

Vinho harmoniza com gastronomia, faz bem pra saúde e pode ser consumido o ano todo
Avalie este conteúdo

Quando se fala em uma bebida tradicional, que harmoniza perfeitamente com a gastronomia de países diversos e até mesmo como ingrediente na preparação de alguns pratos, o vinho sempre vem à mente.

Vinho Verão 1

Segundo o chef português, Vitor Sobral – do restaurante Tasca da Esquina -, tudo isso se deve à versatilidade da bebida. “Na minha opinião, o vinho conquista tantas pessoas por ser um produto fantástico para todas as ocasiões de lazer e por ter séculos de história”.
Não é à toa que o vinho sirva como um ótimo ingrediente no preparo de pratos. Ele é usado em marinadas, assados, estufados e guisados, sendo também um produto bastante utilizado nas confecções de base e mesmo nos molhos. “O vinho representa tudo na nossa gastronomia, pois ela tem muita personalidade no que diz respeito aos sabores, e ele entra para fazer a harmonia do paladar”, explica o chef.

Vinho e saúde

E beber vinho pode ir muito além do prazer à mesa. Muitos estudos já revelaram que, em dose certa, esta bebida pode fazer bem à saúde, como explica a nutricionista do Hapvida Saúde, Paula Trigueiro. “O vinho contém substâncias chamadas polifenóis, mais especificamente o resveratrol, que possuem propriedades antioxidades e inibem a agregação plaquetária, facilitando a circulação.”
Entre os benefícios estão a redução do risco de doenças cardiovasculares; prevenção de tromboses, derrames e AVCs; diminuição do risco de infartos; controle da pressão arterial; redução do colesterol ruim e o aumento o colesterol bom; e, segundo estudos recentes, redução na incidência de câncer. “Isso pode ser conseguido com um consumo diário de 240 a 480 ml, em média duas taças, junto às refeições”, recomenda.

vinho2

A bebida no Nordeste

E o vinho combina muito bem com o clima tropical e quente do Nordeste. Quem diz isso é o enófilo Carlos Cabral, fundador da Sociedade Brasileira dos Amigos do Vinho (Sbav) e consultor de vinhos do Pão de Açúcar. “É preciso desmistificar a ideia de que vinho só é servido no frio”, explica.
Levemente refrigerados e servidos em diferentes harmonizações, o especialista dá dicas para não errar no serviço. A primeira delas é quanto a temperatura correta: Os tintos devem ser servidos entre 15º e 18º. Já os brancos entre 10º e 12º. Basta colocá-los meia hora na porta da geladeira ou em um balde de gelo. Os espumantes são uma ótima pedida e devem ser servidos bem gelados, na maioria dos casos entre 4ºC e 6ºC.
Os espumantes nacionais são leves e harmonizam com saladas, podendo ser consumidos nos mais diferentes momentos, como um almoço informal ou um jantar de negócios.
Os tintos são excelentes dicas para os dias mais quentes desde que sejam leves, como o Pinot Noir. E, claro, os vinhos brancos, que geralmente roubam a cena quando as temperaturas sobem, justamente por serem tradicionalmente mais refrescantes.

Fonte:Pauta Assessoria de Comunicação-Leandro Ramalho

Se você quer receber atualizações sobre este tema ou outros de nossa página, inscreva-se abaixo:
Receba boas notícias em seu Email


Seja o primeiro a comentar Assunto: "Vinho harmoniza com gastronomia, faz bem pra saúde e pode ser consumido o ano todo"

Deixe um comentário

Translate »