Cubanos desenvolvem cura contra vitiligo em 3 dias

mela3
Visualizado 6.417 vezes

Medicina cubana: descobriram a cura para o vitiligo

O mundo celebra esta notícia: Médicos encontram a cura para o vitiligo. Conheça os detalhes
O tratamento precoce das lesões da doença podem prevenir o câncer de pele. As causas do vitiligo ainda são desconhecidas para médicos especialistas em dermatologia. Ela está associada a fatores genéticos.
Vitiligo é uma doença que provoca a despigmentação da pele devido a problemas hereditários, grave choque emocional (estresse) e problemas com hormônios da tireóide. Esta descoloração ocorre frequentemente em áreas que estão em torno dos orifícios naturais do corpo, tais como a boca, o nariz e os órgãos genitais.
Yoli Luján, dermatologista, explica que ainda não se conhece a causa desta condição e só se pode falar de uma hipótese diagnóstica que desencadeia a doença. “A nível da pele se apresenta uma destruição de melanócitos, o que afeta um por cento deles em geral.” A principal função dos melanócitos é produzir a melanina, uma importante proteção contra os raios solares, que atua como uma barreira de prevenção do câncer de pele. “O único sintoma são lesões de despigmentação da pele, sem causar qualquer coceira, ardor e inchaço.”
A especialista explica que é muito rara condição em crianças. Geralmente se apresenta após os 20 anos. “Essas manchas de vitiligo são simétricas; ou seja, se surgir em um dos lados do corpo, surgirá do lado contrário”.
Pode ser tratado
mela2
O vitiligo é uma doença que pode ser tratada por via oral ou tópica, com raios ultravioletas, injeções, maquiagem permanente para pequenas lesões, enxertos de pele, cremes e mesmo tratamentos psicológicos.
“Com o rigoroso tratamento que temos atualmente e fazendo uso adequado, além de seguir passo a passo as indicações de um especialista, que neste caso é um dermatologista, a doença pode ser curada. Graças a estes tratamentos temos tido excelentes resultados no diagnóstico de pacientes com esta lesão na pele, fazendo com que se repigmente área afetada “, diz ela.
A doutora Luján observa que existem vitiligos agressivos, que podem provocar enormes lesões e devem ser tratados imediatamente com protetores solares, e ainda impedir que as lesões durem por mais tempo, além de evitar o câncer de pele. Recomenda a todas as pessoas que sofrem desta doença manterem-se completamente protegidas da luz solar, usando roupas para cobrir as áreas afetadas. Esclarece que o vitiligo “não é uma doença que se transmite por qualquer meio, não é nenhuma infecção por alguma bactéria”.
Tratamento para a cura do Vitiligo
Para receber o tratamento contra o vitiligo você deve ser consultado no Centro de Histoterapia Placentária, (ver informações deste centro). Para receber o tratamento que este centro aplica, você deve viajar para Havana e ficar em Cuba menos 4 noites e 5 dias. A consulta no Centro Histoterapia é de segunda a sexta, das 09 às 16h.
O tratamento consiste na aplicação de um medicamento chamado Melagenina Plus, que é produzido a partir da placenta humana, que possui propriedades que estimulam a produção de melanócitos

Em estudos que foram realizados, este tratamento para a cura do vitiligo, demonstraram que ele é eficaz em 86% dos casos tratados. A aplicação deste tratamento é completamente segura, sem efeitos colaterais, e se aplica a crianças, mulheres grávidas e idosos.

Na eficácia da aplicação do Melagenina Plus influem os seguintes fatores:
  • Idade
  • Raça
  • A porcentagem da área corporal afetada
  • Tempo de evolução da doença
  • As áreas do corpo afetadas
  • A aplicação correta do tratamento
O tratamento para a cura do vitiligo é realizado durante 3 dias consecutivos:
Dia 1:
Apresentação de esclarecimentos sobre o tratamento para a cura do vitiligo, consulta médica especializada e início do tratamento. Se o médico considerar necessário, será encaminhado à consulta de psicologia, sem nenhum custo adicional.
Dia 2 e 3:
Informações sobre o uso de Melagenina Plus.
Para continuar o tratamento em seu país, o paciente será instruído na consulta sobre a quantidade certa de remédio para tomar, de acordo com o grau de extensão da sua superfície corporal afetada pela doença.
Para receber o remédio não é necessário internar o paciente, uma vez que é ambulatorial.
Nota: A droga Melagenina Plus não é vendida livremente, somente após a avaliação e prescrição médica.
Custo do tratamento:
Consulta médica, mais a informação do uso do medicamento = 240 CUC. (US$ 250,00)
O custo do medicamento depende da quantidade indicada pelo médico, de acordo com a porção de pele afetada e a duração indicada.
CUBANDHEALTH — (Operador de Saúde em Cuba) — Oferece a possibilidade de fazer a consulta médica e dar o alojamento e os traslados necessários em Havana para este tratamento, é só fazer-nos um pedido preenchendo o formulário abaixo.
O medicamento:
Melagenina Plus (melagenina + cloreto de cálcio) é um extrato alcoólico de placenta humana, produto farmacêutico que tem a propriedade de aumentar a reprodução de melanócitos, bem como de acelerar o processo de produção de melanina, que resulta em uma droga escolhida para o tratamento e a cura de vitiligo ao acelerar a reprodução dos melanócitos restantes na borda ou interiores das regiões enfermas do paciente.
Melagenina Plus é um produto capaz de alcançar a reversão dos casos graves de vitiligo porque potencializa a intensidade e duração do efeito estimulante da pigmentação da pele, típicas da melagenina quando adicionada ao cálcio, essencial como um ativador dos processos de reprodução celular e a síntese de melanina.
A segurança do tratamento com Melagina Plus — sem efeitos colaterais — permite a sua utilização em crianças e adultos, incluindo idosos, mulheres grávidas e mulheres durante o período menstrual.
É compatível com qualquer tipo de comida ou bebida, bem como com outros grupos de medicamentos, exceto psoralenos, corticóides e citostáticos, com o qual se manifesta antagonismo.

Apresentação: Frasco de vidro âmbar de 235 ml.
Composição: fração de lipoproteínas de placenta humana solubilizado em álcool (890 graus) 235 ml. e CaC12.

mela1
Se você quer receber atualizações sobre este tema ou outros de nossa página, inscreva-se abaixo:
Receba boas notícias em seu Email


Translate »