Otimistas vivem mais do que pessimistas, aponta pesquisa

Não se trata de viver em uma bolha e ignorar tudo o que se passa ao seu redor, mas sim de saber enxergar o lado bom das coisas.

Um novo estudo garante que pessoas otimistas têm vida mais longa do que pessimistas, já que vivem em média 11% a mais.

O estudo foi conduzido em conjunto por pesquisadores das faculdades de medicina da Universidade de Boston e de saúde pública de Harvard e para chegar à esta conclusão foi preciso uma década de pesquisa, com 70 mil mulheres e 1400 homens analisados.

Além de checar hábitos como alimentação, consumo de álcool e a relação com o tabaco, a pesquisa avaliou o nível de otimismo. No entanto, muito menos palpável de mensurar, segundo eles o otimismo é “um sentimento permanente de que coisas boas vão acontecer”. Na prática sabemos que isto não é tão simples quanto parece, mas nada mais é do que saber regular e controlar emoções e comportamentos, bem como lidar com o estresse e suportar dificuldades. E, ao longo da vida, nós vamos adquirindo ferramentas para controlar nossas emoções, como por exemplo a prática de terapia e meditação.

Segundo a pesquisa, independentemente do gênero, os mais otimistas tiveram uma vida 11% mais longa que os pessimistas, em média. Além disso, sua chance de chegar aos 85 anos foi de 50% a 70% maior. No entanto, é preciso deixar claro que os resultados não mudaram quando o avaliado sofria uma doença crônica ou possuía hábitos não saudáveis. Afinal, não basta ser otimista, a nossa longevidade é o resultado de uma série de hábitos em conjunto.

Embora não assegure uma vida longa, de fato o otimismo nos ensina a focar no presente e a nos livrar de distrações. Quando entendemos que não podemos tudo controlar, aprendemos a relaxar e a ver o lado bom da vida. Não se esqueça que a felicidade mora nas pequenas coisas, como um banho depois de um dia de trabalho, um abraço em quem você ama e o cheiro da sua comida preferida no fogão. Nem sempre é fácil, mas enxergar o copo cheio vai te fazer mais feliz do que insistir que ele vive vazio.

Fonte: Hypeness

Se você quer receber atualizações sobre este tema ou outros de nossa página, inscreva-se abaixo:
Receba boas notícias em seu Email


Translate »