Em Santos, condomínios podem trocar lixo reciclável por dinheiro (e moradores ainda ganham descontos no comércio local!)

Compartilhe Boas Notícias

Na cidade de Santos, no litoral de São Paulo, os condomínios passaram a incentivar muito mais seus moradores a separar o lixo reciclável do orgânico.

O projeto Clube do Condomínio está oferecendo dinheiro vivo (!) em troca de resíduos recicláveis. Funciona assim: os condomínios interessados se cadastram na iniciativa, recebem contentores para depositar os recicláveis e passam a receber a visita de funcionários do projeto duas vezes por semana, que vão ao local pesar e retirar o lixo.

A cada quilo de recicláveis coletado no condomínio, o edifício acumula 1 biocoin, que vale R$ 0,20. Quando completar 5 mil biocoins (ou seja, R$ 1 mil), o prédio tem o direito de retirar o dinheiro que acumulou por suas boas práticas ambientais – e usá-lo como bem entender. Seja para pintura da fachada, para obras de acessibilidade ou ainda para uma reforma na área de lazer… Vale o que a maioria decidir, afinal todos conseguiram o benefício juntos!

E não é só! Os condôminos não precisam esperar o acúmulo dos R$ 1 mil para começar a ganhar com a iniciativa. Quando um edifício adere ao Clube de Condomínio, automaticamente todos os seus moradores já passam a ter direito a uma série de descontos em parceiros locais filiados – tais como mercados, cinemas, farmácias e lojas de material de construção. Rola desconto até em serviços de manutenção, como eletricista, por exemplo.

A iniciativa mal começou e 320 condomínios da cidade de Santos já aderiram. O número de parceiros do comércio local, que oferecem benefícios aos associados, também não para de crescer e já soma 80 empresas.

Todo mundo sai ganhando e o aterro sanitário do município respira aliviado. É ou não é tudo de bom?

Por

Fonte: The Greenest Post

 

Se você quer receber atualizações sobre este tema ou outros de nossa página, inscreva-se abaixo:
Receba boas notícias em seu Email


Translate »